A aprendizagem do português pode ser feita de forma interativa e divertida. Aceitas este desafio? 

Somos uma escola de línguas na Baixa, no centro histórico de Lisboa, em Portugal. A Escola de Línguas das Sardinhas é dedicada ao ensino de português para estrangeiros

Acreditamos que aprender português pode ser mais fácil num ambiente informal, onde todos se conhecem. Para contribuir para uma atmosfera agradável, disponibilizamos café e chá para todos. 

Poderás escolher na Escola de Línguas das Sardinhas entre aulas particulares ou aulas em grupo. O conteúdo dos nossos cursos intensivos e extensivos de português são adaptados às tuas necessidades. Durante o verão temos cursos intensivos de português e organizamos atividades culturais que te ajudarão a conhecer melhor Lisboa. Apresentamos resultados baseados nos teus objetivos fazendo com que vivas uma experiência inesquecível.

Há um objetivo comum que nos une: falar português. Juntos podemos fazê-lo mais facilmente. Esperamos por ti! Aprender português em Lisboa pode ser fácil!    

Porquê aprender português?

Muitas vezes queremos comunicar com outras pessoas, mas quando não falamos a mesma língua é extremamente difícil. É verdade que o inglês é falados por muitas pessoas, mas não por todas. Estar a viver em Portugal e não falar português poderá transformar-se numa situação incómoda quando os portugueses entre amigos falam apenas português, embora por vezes seja dada alguma atenção a quem não fale português ou lhe seja traduzido o que foi dito. Ou quando se está na casa da família do namorado português ou da namorada portuguesa e entre todos, inevitavelmente, a comunicação é feita em português. São ditas piadas e ouvidas gargalhadas sem se perceber qual o motivo e é normal sentir um pouco de desconforto e exclusão, mas não é agradável. 

Por vezes o difícil é dar o primeiro passo: procurar uma escola de línguas onde nos possamos sentir bem e relaxados para aprender português. Depois de encontramos o sítio certo, apercebemo-nos que afinal aprender português pode transformar-se numa experiência bastante enriquecedora a nível linguístico, mas também pessoal. O ideal é definir se será melhor aprender português em grupo ou com aulas particulares. E o sítio certo é na Escola das Sardinhas! 

Aulas particulares de Português

Normalmente quem opta por aulas particulares acaba por ter mais dificuldades quando tem que passar a ter aulas de grupo. Nas aulas particulares toda a atenção é centrada e focada apenas num aluno, ou em dois. Para além disto, as aulas são preparadas de acordo com os objetivos individuais do aluno, ou seja, não há necessidade de ter que cumprir programas, ao contrário das aulas em grupo. Por vezes, por tornar-se mais rentável o investimento em aulas  particulares, principalmente quando os alunos em causa já têm bases da língua portuguesa. É perfeitamente possível aprender em 15 horas particulares o que aprenderia em 40 horas num curso de grupo. 

Aulas de grupo de Português

As aulas de grupo são a forma mais económica de aprender português. Por vezes, o facto dos grupos terem alunos de diferentes países e com diferentes formas de estar pode ser bastante enriquecedor quando se debate um tema e também bastante divertido, através da partilha de experiências. Convém, no entanto, não esquecer que as aulas em grupo têm um programa de estudos pré-definido e que o professor deverá cumprir. 

Há cursos de português na Escola das Sardinhas durante todo o ano. Durante os meses de julho, agosto e setembro dedicamo-nos aos cursos de verão. Os cursos de verão são com a duração de 1 ou 2 semanas por nível. Portanto, torna-se extremamente fácil para quem não vive em Portugal aproveitar este período para se inscrever num dos nossos cursos de português e vir aprender a Lisboa esta língua tão bonita, rica e emocional. É possível  estudar e ao mesmo tempo aproveitar para conhecer melhor a cidade. 

Será Lisboa o melhor local para aprender português?

Lisboa foi um segrego bem guardado durante muito tempo, que agora foi revelado, tornando-se num dos destinos favoritos de férias. Lisboa tem encantos diversos, que vão desde a arquitetura diversificada dos prédios à gastronomia, passando pela calçada portuguesa e pelas casas de fado em Alfama e Bairro alto. Há também os interessantes museus, os grafitis e os locais à beira do rio Tejo. Tudo no seu conjunto, torna a experiência vivida em Lisboa fantástica. Aprender a língua portuguesa, que por si só já é algo de fascinante, em Lisboa, será sem dúvida algo de inesquecível.        

Escolher Lisboa para vir estudar, sem dúvida que também é uma das melhores decisões que alguém pode tomar na vida. Para além do clima, Lisboa tem praias próximas, locais de lazer e culturais que só poderão enriquecer ainda mais a experiência académica. Lisboa é local certo para errarmos e descobrirmos ainda mais sobre nós, distantes de olhares críticos. Mas passar por Lisboa sem aprender a língua portuguesa, será uma oportunidade desperdiçada, que só resultará em arrependimento um dia mais tarde.  

Já és nosso aluno?

Este espaço é para ti!

Se já és nosso aluno, há uma forma de estudares em casa com os nossos materias apresentados durante as aulas de português. Para isso, só tens de te registar (clica na imagem que aparece ao lado), aguardar a confirmação da nossa parte e depois é só descarregares os ficheiros e tranquilamente poderás voltar a ver as apresentações, ou ver outras que ainda não conhecias. Haverá melhor forma de aprender português?

Últimos artigos no blog

Lê o que há de novo
 

Portugal teve 31 rainhas consortes, não contando com D. Teresa, mãe de D. Afonso Henriques, primeiro Rei de Portugal. A Bula "Fratrum Nostrum" emitida pelo papa Pascoal II, em 18 de Junho de 1116, teria reconhecido o título de rainha de Portugal a D. Teresa, após a morte de seu pai, D. Afonso VI de Castela e Leão, e após...

Num certo dia, chega o momento em que surge a oportunidade ou o pensamento de ir estudar a um outro país. Buscamos novos conhecimentos, intelectuais ou sociais, não importam as motivações, e decidimos partir para o desconhecido.

 A minha pátria é a língua portuguesa.

Fernando Pessoa